Robôs: inteligência sem alma?

Não quero mais, cansei

Deste universo doente, triste, sem fim

A Terra, magnífica, deteriora-se

Culpa-se a tecnologia, contudo

Inteligências artificiais são criadas

Para que o amanhã seja próspero

 

Um futuro livre de males

Calos, abalos, pragas

Sim, esta é a proposta que

Cientistas, cegos pela razão

Oferecem para o mundo

Assim

Robôs são construídos

Robôs - inteligência sem alma

Máquinas sem rosto

Sem alma, sem coração

Feitas de lata, cabos e conexão.

São compostas pelos mesmos elementos

Que nós, seres humanos, somos compostos

Diferenças, que pouco importam,

Ou trazem desgosto?

 

Inteligentes, supermáquinas

Armazenamento de informação

Têm poder bélico? Esperamos que não

Sim, podem ser o futuro

Assim dizem os mais espertos

Porém a mídia, criou um mar

De mentiras, invenções e o medo

Foi instalado

 

Será que robôs realmente fazem o mau?

Será que não são a solução mundial?

Podem realmente curar a humanidade?

Ou será que, realmente, consumirão a realidade?

 

Imagens do banco de dados do freeimages.com

Links:

  • http://www.freeimages.com/photo/1309468